Aproveitando para procrastinar um pouco (há pelo menos três outras coisas que deveria estar fazendo agora) e escrever algumas linhas sobre minhas experiências com o Next, com o Nubank e com o Inter.

Contexto: desde 1996 eu tinha conta no Banco Real (que depois virou ABN-AMRO e por fim se transmutou em Santander). Em 2019 começaram a me cobrar tarifas que eu julguei desnecessárias. Resolvi sair. Já tinha um cartão do Nubank desde 2016 e a migração / consolidação do cartão de crédito foi muito mais simples. Minhas operações de cartão de crédito ficaram consolidadas nesta instituição desde 2016 e não tenho nada a reclamar.

Quando o Nubank disponibilizou função de débito e habilitou conta digital, resolvi testar e gostei. Tanto que até cheguei a solicitar a portabilidade de meu salário para a instituição. O que me impediu foi o fato de a conta do Nubank não ser uma conta-corrente, mas sim conta de pagamentos. Isso me frustrou bastante pois eu dependo muito de pagamento de contas daqui de casa no débito automático e isso simplesmente não é possível com o Nubank. Uma pena.

Passei a buscar outra solução bancária. Demorei a decidir e conseguir abrir uma conta em um banco digital para sair das tarifas. Optei pelo Next em setembro de 2019, pois pertence ao Bradesco e, na minha cabeça, a imagem de solidez de uma instituição bancária é importante.

Passado algum tempo, algumas considerações.

Não sinto qualquer falta de operar meu dinheiro com o Santander. O processo de portabilidade bancária foi muito simples.

O Next é bacana, mas tem algumas limitações que, pra mim, fazem diferença.

A primeira delas é o aplicativo. É muito lento e a curva de aprendizado é bem íngrime. Nunca me adaptei ao tal “flow” que eles propõem. Outro ponto negativo é que, para qualquer transferencia que formos fazer, precisamos criar um contato. Mesmo que seja uma transferencia única e isolada.

Um outro ponto bastante chato no aplicativo é que não podemos cadastrar contas no debito automático. Para colocar minhas contas em debito automático na minha conta do Next eu precisei entrar em contato com cada prestador, ao invés de fazer isso junto ao banco (na minha cabeça isso é mais lógico). Enfim, deu mais trabalho, mas eu consegui. De qualquer maneira, é algo chato.

Outro ponto negativo é que, por algum infortúnio, a biometria nunca funciona a contento com o app do Next. O processo de login no app aqui em meu aparelho é igual encaixar algo na entrada USB, nunca vai de primeira. É sempre na segunda ou terceira tentativa. Quando estou com pressa, isso é bem chato.

Fazer pagamentos também é meio chato, em termos de UX, pelo app do Next. Às vezes campos obrigatórios não ficam claros e tem um lance de tela que me incomoda bastante que é o de campos que precisamos usar o teclado para preencher ficarem escondidos e aí demanda um certo malabarismo para fazer funcionar. Eu até gravaria uma sessão de tela para demonstrar isso, mas falta-me tempo e paciência.

Outra coisa que me incomodou um pouco no Next é que não existe a opção de internet banking. Tudo tem que ser feito pelo app. Eu sinto falta de poder resolver as coisas na janela do navegador em meu computador. Ou seja: na minha cabeça de velho, acho que de vez em quando fazer algo na tela maior do computador é mais confortável do que ter que ficar com o celular tentando resolver tudo.

Então, a soma de todas estas coisas me levou a pensar em migrar minha operação bancária mais uma vez. Acho que farei isso em breve.

Como sou síndico do meu prédio, acabei tendo que abrir uma conta no Inter para poder operar as finanças do condomínio lá. Foi o banco que abriu a conta com menos estresse para o condomínio. A operação das finanças do condomínio tem sido bem simples pelo Inter e o app funciona bem, também o internet banking deles é satisfatório. Claro, teve a questão passada do vazamento de dados dos usuários e isso é MUITO preocupante.

De qualquer forma, estou muito propenso a fazer a migração para operar tudo no Inter. Uma pena o Nubank não ter uma conta-corrente efetiva (a conta do Nubank não é conta-corrente, é conta de pagamentos). Do contrário eu nem pestanejaria e priorizaria fazer tudo por lá. Mas essa limitação tem sido bem chata.

O Inter tem os problemas que eu encontro no Next resolvidos. E uma vantagem bacana do Next (saques na rede 24h ilimitados) operacionais.

Pois bem, depois de um ano operando com o Next, estou com 90%+ de propensão a hibernar minhas atividades lá e migrar pro Inter. Pelo menos enquanto o Nubank não efetiva essa coisa de ter uma conta-corrente de verdade com saques sem tarifa (como não há qualquer indicativo de que qualquer destas coisas aconteça no futuro próximo… Acho que o Nubank vai acabar tendo minha movimentação reduzida).

Uma coisa que me incomoda no Inter, já adianto, é essa sanha por fazer com que eu compre no tal shopping deles. Desabilitei qualquer notificação do app para isso (eu quero banco, gente. Se eu quiser shopping, eu aviso). Vamos ver se funciona.

Outra coisa que me deixa MUITO ressabiado com o Inter é o passado de vazamento de dados (como disse acima). Isso me assusta muito e me deixa de cabelos em pé. Mas tenho acompanhado e, até onde pude ver, é coisa do passado. Entendo que erros acontecem e, pelo que vi, eles estão trabalhando para resolver.

Se a experiência for boa, o limite do cartão for decente e as operações não me frustrarem, acho que vou ficar de Inter.